Colaboradores Desabafo

Sabe o poder das tuas palavras?

sábado, outubro 26, 2013Recanto das Mamães Blogueiras

Por Mãe de moleque

Depois de muito ler por ai... as mamães blogueiras não sabem o poder que tem as suas palavras.

Muitas mães usam as informações passadas e acreditam que tudo aquilo escrito é real...mas espera aí, real no mundo virtual?
 
Você sabe se o médico é realmente médico, a não ser que conheça ele pessoalmente  mesmo assim como ter certeza se o virtual é real?

Será que aquela mãe é mãe mesmo? 
 
Pior será que realmente estas mães, são ou fazem o que andam pregando por aí?
 

Não sei não, o princípio da sabedoria e a dúvida...então duvide SEMPRE antes de sair por aí fazendo e falando igual.
 
O melhor parto é aquele que seu filho nasce com saúde, o resto é resto. Se informe, mas opte pelo que te faz sentir melhor não deixe que te coloquem cabrestos e proponha que todos sigam a mesma direção, novamente digo o que é bom pra mim pode não ser pra você.
 
Não fique "bitolada" nas coisas que você lê, se serve de dica para alguma coisa não procure significados de exames no google rsrsr é sério, as doenças geralmente começam de um mesmo jeito e você escolhe um site que fala que seu filho vai morrer antes de nascer rsrsrs mas é sério mesmo, saia fora disso enquanto é tempo!
 
Como eu disse nem toda pesquisa é séria e algumas são meras especulações!
 
Desculpe os cientistas, mas sempre vai haver outro cientista, que vai falar que aquele outro cientista estava errado e que o certo é fazer uma coisa nova ou voltar para anterior. (Entenderam rsrs?) Então mamães confiem na sua intuição, acredite no seu "feeling", se uma coisa é certa é que mãe é boa nisso!
 
Não é porque tenho um filho que sou expert em maternidade, sou expert e doutorada no meu moleque e fim!

Não mães não quero que façam como eu, quero que sejam críticas como eu e que pensem e vejam o que é melhor para você e sua cria, o que é bom para o meu filho pode não servir para o seu e vice- versa. Posso até escrever coisas que as pessoas se identifiquem e outras que podem ser usadas com qualquer criança, mas longe de mim te convencer de algo, realmente não quero isso.

Uma coisa sempre me questiono, ou sou desorganizada demais, ou sou devagar demais rsrs. Como uma mãe consegue colocar textos próprios, algumas postam três vezes por dia e mesmo assim pregam que o filho é o mais importante...não sei não, posto uma vez por semana e as vezes duas no máximo e faço isso no horário de escola do pequeno, se eu falo que fico com ele eu realmente fico, não fiquei em casa para fazer blog, ele é um "plus" um luxo que me concedi para conversar com as pessoas mesmo não estando perto, minha prioridade é o moleque e se algum dia ele ou o marido reclamar...largo tudo fácil, minha prioridade é a minha família, por enquanto eles são os meus incentivadores., mas cada uma deve pesar e saber onde o sapato aperta.

Outra coisa muitas mães tem contratos com lojas de brinquedos e produtos e ganham por isso, não vejo nada de ruim, só de novo pensem se o produto realmente é bom e não vai atrás de conversa, toda propaganda tem um objetivo vender e só.

Fiquem de olho!

Mães blogueiras vocês são responsáveis por aquilo que cativam, já dizia Saint Exupéry

Abraços
+Mãe de Moleque 

Quem sou eu:
Sou mãe de menino como muitas outras... com uma diferença sou mãe de moleque, gosto do universo infantil masculino.

No meu blog falo sobre educação, saúde, indicação de leitura, desenhos, brinquedos, do meu relacionamento com o meu filho, como são as festas de aniversário, historinhas (contos de fadas às avessas, onde as personagens principais antes meninas são trocadas por meninos) e um diário da mãe e outro do moleque.

Como acredito que nós mulheres conhecemos pouco sobre o corpo masculino, procuro nos meus posts falar sobre doenças relacionadas a eles e que podem de alguma forma prejudicá-los no futuro e até causar infertilidade, como quero ser avó um dia me preocupo com isso.

Participe também deste espaço enviando email para recantodasmamaes@yahoo.com.br

VEJA MAIS POSTAGENS

14 comentários

  1. É como eu digo sempre... devemos criar nossos filhos com amor e instinto... não se basear somente em livros e conselhos!
    Conselho é bom sim, livros é ótimo, mas o instinto de mãe é poderoso demais... vamos escutar mais ele!

    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Cacau é verdade temos que confiar mais no que sentimos e no nosso instinto materno e isso não nos impede de saber e nos informar melhor. Obrigada. Bjs

    ResponderExcluir
  4. Obrigadas meninas do Recanto pelo carinho em divulgar meu texto.Bjs

    ResponderExcluir
  5. Sou mãe de 5 e também sinto que não sou expert em maternidade, tenho muitas dúvidas e cada filho é diferente. O que vale além do instinto materno é sempre conversar com o médico de confiança e é o que sempre faço. Também não consigo postar diariamente . E acho que uma blogueira deve sim ter suas parcerias, mais com marcas que conhecem ou super bem recomendadas.
    Bjs
    http://soumaedecinco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. OI querida! Concordo em gênero, número e grau com vc. Acho que todas tem direito a expressar suas opiniões em seus blogs, mas não gosto de ler opiniões radicais, sem equilíbrio, como se fossem verdades absolutas. Cada pessoa tem a sua própria experiência de vida. E o que é bom para uma pode ser péssimo para outra. COmpartilhar e informar é legal, mas sem querer ser a dona da verdade. Ótimo texto! bjs CAmila Vaz

    ResponderExcluir
  7. @Leila Nassif Oi Leila obrigado pelo seu comentário, que bom que ainda temos mães que estão realmente dispostas em dividir suas experiências sem se julgar experts, parabéns não conhecia seu blog achei lindo. Bjs

    ResponderExcluir
  8. @mundodepalavrasCamila, que bom fico feliz que não penso assim sozinha, temos muito o que falar sobre nossas experiências, mas também muitas coisas a aprender não é? Bjs obrigada pelo carinho.

    ResponderExcluir
  9. Obrigado Leila e Camila, bom saber que não estou sozinha nos meus momentos de reflexão.
    A primeira coisa que aprendi na maternagem é respeitar a opinião alheia, isto não quer dizer que precisamos segui-la, usamos muito da nossa intuição e sabedoria para discernir entre o certo e o errado e assim vamos crescendo como mães e aprendendo a famosa sabedoria não é? Bjs

    ResponderExcluir
  10. Adorei sua reflexão não como vc não consigo entender algumas coisas na bloguesfera, como a pessoa consegue publicar tanto e dizer que passa o dia com o filho, mas como na vida real temos que utilizar os filtros e selecionar o que útil e que pode lhe ajudar na vida real.

    Tri-beijos Desirée
    http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. As palavras marcam muito. Se soubéssemos não falávamos tantas bobeiras. E quando alguém nos diz alguma coisa que nos marca pra sempre? Ainda pior. Beijocas Cris Chabes

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar, ficamos felizes!