Colaboradora sono

O que fazer quando o seu anijinho não quer dormir

sábado, julho 28, 2012Recanto das Mamães Blogueiras

Por Luana Macedo, do blog Dona Papinha


Estou escrevendo para vocês depois de um dia de trabalho, supermercado, casa, e claro, “filhota, muita filhota”. Estou com um probleminha em casa, justamente pagando a língua. 
É... eu sempre disse que minha filha não ia isso, não ia aquilo. Uma dessas afirmações foi que teria horário para dormir. Pois é, ela não dorme!!!
Como já de praxe fui pesquisar, li de tudo, falei com mães, pais, psicólogos, médicos, rezei, implorei, socooooorro...
Então hoje quero dividir o que me pareceu mais plausível na literatura e o que funciona na prática.
Não vou colocar em ordem de importância os itens, cada um sente seu filho, sabe de suas necessidades, pode ser falta de rotina, muita manha, hábito... Mas eu coloco em minha lista no topo O CASAL aliás, acho que o casal é muito importante em tudo, mas isso é outro assunto.
SINTONIA DO CASAL
A partir do momento que se identifique o problema e seu o motivo o casal deve estar em sintonia de como será a resolução do quadro, o tratamento, ou seja, o passo a passo. O que deverá ser feito e como, e o que NÃO poderá ser feito por AMBOS. As vezes a mãe acha uma coisa e o pai outra. A mãe tenta por um lado e o pai por outro, a falta de persistência nas atitudes a serem tomadas e o vai e vem dos pais fortalece a resistência do bebê.
ROTINA
O ser humano é um animal que se adapta muito facilmente a uma rotina, ele praticamente precisa dela ou se perde. O bebê mais ainda, se pensarmos que são apenas 4 coisas fundamentais nos primeiros meses para ele coexistir é uma lógica isso. MAMAR, DORMIR, RESPIRAR, E FAZER XIXI/COCO. A única coisa que os pais precisam fazer e tornar isso uma rotina, fácil né? Nem sempre. Quase 50% das famílias brasileiras responderam a uma pesquisa da Jonhson&Jonhson que acham que seu filho tem algum problema para dormir.
Eu sou a favor da criança crescer dentro da rotina dos pais, e não ao contrário, mas sejamos francos, responsáveis e coesos, precisa haver equilíbrio.
Se final de semana todos vão passear e o neném acabará dormindo mais tarde, ok! Mas isso não deve ser a rotina. Uma pesquisa demonstrou que os bebes que pegam no sono as 20 horas tem mais chances de dormir a noite inteira que os que dormem mais tarde.
BANHO
Juntamente com a rotina ele deve entrar em torno de uma hora antes de se ir para cama ou berço. Muitos acreditam que o banho deve ser dado logo antes de dormir, mas não. É verdade que o banho provoca um relaxamento e sono, mas o pico dessas sensações é uma hora depois, então neste meio tempo você deve fazer alguma atividade com o pequeno, e assim chegamos ao próximo tópico.
DISTRAÇÕES PARA DORMIR
Paninho, cheirinho, ursinho, tudo isso ajuda, juntamente com a meia luz (luz azul ajuda a relaxar), no quartinho dele, com o pijama (mesmo que neném este traje é importante para ele entender o momento), faça apenas brincadeira relaxantes, conte uma estorinha, cante uma música (pode ser um CD), dê bixinhos para ele se entreter, mas o importante é que uma vez no quarto, continue no quarto, não se deve sair mais. Se você desistir uma vez, na próxima será mais difícil, ele lembrará (nunca subestime a inteligência de seu filho, nem se ainda bebe). Coloque- o no berço, fique o lado conversando, talvez sentado em uma cadeira, em média 40 minutos são necessários para que pegue no sono. Com o tempo, vá diminuindo sua permanência no quarto dele. Evite o colo e lembre-se, quanto mais velho o bebê mais difícil será modificar os hábitos.
CAMA DOS PAIS
Foi provado cientificamente que não é bom, não vou nem discutir. Entendam o básico que será apenas mais um hábito errado. Ensine o certo de uma vez, é um trabalho, mas é uma vez só.
CHORO
Não sucumba a qualquer choro do seu filho, ele vai chorar, essa é a única maneira que tem de se comunicar, mas esperar uns minutos, não fará mal à saúde dele. Muitos pegam no sono. Se não, volte todos os passos.
MANHA!!
Se o problema foi que você adulou, afofou, acariciou, beijou, abraçou demais e esqueceu os limites, é MANHA! Você terá que ser perseveraste, por fim, se der resultado, uma “DESINTOXICAÇÃO” DO PAPAI E MAMÃE é bem vinda, existe uma linha que defende que 3 noites na casa dos avós ajuda ao neném mudar de ares e esquecer as bardas... isso se os avós ajudarem mais do que atrapalharem. Rssssss
BOA SORTE PRA TODOS NÓS!
Talvez mais que sorte, paciência, persistência, responsabilidade e amor!
Beijos, Luana.
A Luana é mãe e nutricionista, tentando passar a prática e o estudo para as demais mamães.

Assim como a Luana, você também pode participar deste espaço como colaboradora, envie seu texto para o nosso email: recantodasmamaes@yahoo.com.br
Equipe Recanto

VEJA MAIS POSTAGENS

11 comentários

  1. Espero que aqui consigamos manter a paz da hora de dormir. Tenho com a Bela a mesma rotina de banho e sono desde a GESTAÇÂO...porque acredito muito pelas experiencias que tenho em casa, que é da barriga que o bebe aprende a rotina. Minha irmã por exemplo, sempre trocando o dia pela noite, desde que nasceram e até hj meus sobrinhos só dormem após as 23hs. Aqui em casa deu 20hs, a pequena já está coçando as orelhinhas heheh...
    Boa sorte por ai...
    Muita calma e persistencia...
    Bom fim de semana

    ResponderExcluir
  2. Ótimas dicas Luana, obrigada por compartilhar aqui, seja bem vinda sempre!
    beijos, Lauri

    ResponderExcluir
  3. Ótimas dicas!! Já passei por essa fase com a Ingrid também!

    Só não acredito que ajuda ir pra casa da avó, muitas vezes pode mais atrapalhar do que ajudar, né? rss
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. As dicas são ótimas, basta adaptar pra rotina de cada família. Acho sim que as crianças precisam aprender a dormir, mas que não tenha que ser de uma maneira traumática pra ninguém! Aqui a rotina do sono sempre foi muito respeitada, pra pais e filhos!

    beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Luana!
    Muto legal o texto, que bom que vc compartilhou conosco.
    Minha filha já está grandinha, mas a rotina aqui em casa ainda temos. O sono dela sempre foi tranquilo, pois desde bebê conseguimos estabelecer horários.
    E é a mais pura verdade, o casal tem que estar em sintonia pra funcionar. Não adianta um desejar fazer de uma forma e o outro de outra.
    Ambos tem que trabalhar pela mesma finalidade.
    Beijos querida e tudo de bom!

    ResponderExcluir
  6. Desintoxicação do papai e da mamãe é ótimo! E muito sério também. Fico até pensando que para o caso de meninas, desintoxicar o papai funciona até mais! Ótimo post. Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Casal como um todo precisa olhar na mesma direção. Bem vinda a ajuda dos papais. Cris

    ResponderExcluir
  8. Simplesmente adorei as dicas, meu filho só tem 2 meses e preciso mudar muitas coisas já haha, acho que me serviu muito esse post ;)

    beijos.

    ResponderExcluir
  9. ADOREI!

    Graças a Deus aqui nunca tivemos problemas para a princesa pegar no sono ... ela simplesmente dorme mais tarde!

    Mas achei tudo muito legal!

    Beijos, Má
    www.monmaternite.com

    ResponderExcluir
  10. Olá!!

    Ótimo post! Aqui em casa ainda estamos em processo... alguma coisa eu concordo plenamente com o que vc escreveu, outras, nem tanto... mas acredito que o mais importante é pensarmos no que é melhor pra ele e ter certeza do que estamos fazendo. É a chave do sucesso!

    Eu me incluo na "manha", hahaha, porque eu adoro um chamego e depois quem "paga o pato" sou eu mesma! Agora é desfazer o mau hábito e bola pra frente ;)

    Beijos
    Ju

    ResponderExcluir
  11. Nossa quando meu primeiro filho nasceu, trocou o dia pela noite, como os antigos falavam.
    Ele só dormiu a primeira noite inteira quando já tinha 1 ano.
    Sei como esse momento é dificil, mas ainda bem que passa.
    Beijocas
    Cris Chabes

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar, ficamos felizes!