Mamãe Cléo Moretti

Mamãe no Volante

quinta-feira, junho 06, 2013Cléo Moretti

Olá minhas queridas,

Hoje vou falar de um assunto que a dias me perturba, incomoda, assusta, …, MAMÃE É A MOTORISTA!

* Aqui

Todos, todos, todos os dias enquanto levo meus filhos pra escola, fico apreensiva, pois tudo que mais amo está ‘atrás’ de mim, sob minha responsabilidade, atenção e cuidado.

Eles estão ‘presos’ ali, seguros e confiantes, pois para eles sou porto seguro e nada poderá atingi-los.

Certamente, toda e qualquer mãe se sente assim, um porto seguro ‘inseguro’, pois jamais admitimos que somos também frágeis e sentimos medo.

O ‘trânsito’ é uma situação de muito desconforto para mim, eu sou muito insegura, apesar de adorar dirigir, me sinto uma mulher maravilha por poder ir onde quiser guiando essa máquina que é muito maior que eu…..

Toda vez que estou no volante com dois caroneiros especiais, redobro os cuidados.
E ai? E você? Já tem sua carta de motorista? Como se sente no trânsito? Conta pra nós!!!

Beijocas,

VEJA MAIS POSTAGENS

9 comentários

  1. Eu estou sempre com a Nina, pra lá e pra cá... enquanto estamos no trânsito eu canto pra ela e com ela, bato palmas, danço... tento distrai-la pra não chorar.
    Medo, medo eu não tenho, mas uma coisa me deixa apreensiva: alguém abrir a porta do carro, do lado dela e fazer algo... sempre cuido nos espelhos a movimentação ao redor do carro. Sempre!
    Bjo!

    ResponderExcluir
  2. O trânsito é uma loucura.
    Já sofri um acidente grave, com vítimas, por imprudência de outros, e por isto, quando saio de carro, com minha filhota, como boa mãetorista que sou, oro, oro, e me entrego nas mãos do Pai.
    Também apelo para Maria que é mãe e sabe de todos os nossos temores.
    E saio cheia de confiança, em Deus!!!

    bju

    http://feitocomcarinhodemae.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ainda não dirijo amiga, mas sou doida pra dirigir. Acho q vou me sentir mulher maravilha tb kkk, bjss

    ResponderExcluir
  4. Todos os dias antes de sair de casa para levar a Julia na escola, peço a proteção de Deus,solicito sua misericórdia tanto na ida quanto na volta da escola, fico apreensiva no transito e está com a Julia dentro do carro é uma responsabilidade enorme. Durante o trajeto tento puxar assunto com ela, ou entamos cantamos juntas.

    ResponderExcluir
  5. OLha Cleo vim ver o seu post do recanto e adorei o tema... como não dirijo não sei como deve ser, apenas posso falar como passageira e mãe. Realmente é dirigir para si e para o do lado e se preocupar com assuntos desagradáveis como assalto. Quando entro no carro com o Nicolas rezo e peço a Deus proteção. Minha comadre dirige e vai para qualquer lugar... é ser livreeeeeeeeeeee.... eu não sei se um dia irei conseguir essa façanha....bjs

    ResponderExcluir
  6. Isso acontece comigo quando viajo levando, além do filho, os sobrinhos. Sinto uma responsabilidade muito grande! Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi Cléo, eu não dirijo, mas cobro toda atenção do meu marido,sempre, seja aqui na cidade ou quando viajamos. Sem dúvida esse é o bem mais precioso que transportamos! Beijos

    ResponderExcluir
  8. Imagino que seja assim mesmo Cléo! Eu ainda estou na legislação mas já penso nisso, rs.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  9. Gente estava falando com meu marido sobre isso hoje. Tenho carteira de motorista já fazem 4 anos, mas que tive coragem de me aventurar no trânsito, faz uns 2 anos, pois tinha pânico de dirigir, meu marido fazia terrorismo comigo (coisas de homem). Quando eu decidi encarar meu medo eu pedi para que ele não estivesse comigo enquanto eu dirigia, somente em caso de muita necessidade, hoje eu vou de um canto ao outro da cidade e já encarei a BR... E o nosso comentário hoje era de como a carteira de motorista nos torna independentes, me sinto tão bem por poder levar a minha filha a muitos lugares, sem ter que esperar por uma carona.....

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar, ficamos felizes!