filhos namorar

As mães nunca deixam os filhos em casa, nem mesmo quando eles literalmente ficam em casa.

terça-feira, março 04, 2014Cris Chabes

imagem do google



Outro dia, saí com dois casais de amigos para jantar. 

Trabalho com as duas esposas e ambas tem filhos com idade entre 3 e 6 anos. 
As crianças ficaram em casa, com as avós, mas era como se estivessem conosco. 
Durante quase todo o tempo, a conversa foi sobre "filhos".
Afinal, quando os filhos são pequenos, nosso mundo gira em torno deles. 
Tudo que fazemos ou planejamos é por eles. Eles ocupam nosso pensamento constantemente.

"As mães nunca deixam os filhos em casa, nem mesmo quando eles literalmente ficam em casa."


Como é difícil cortar o cordão umbilical. 
imagem do google

Estamos sempre pensando nos filhos, falando deles, desejando que eles estejam por perto, mesmo quando já são adultos. 
Pois é, comigo não é diferente! Tenho um filho de 28 anos e um de 23 anos. Eles são independentes financeiramente, mas ainda moram comigo, então ainda tenho minhas necessidades de mãe:
- Onde você está?
- Que horas vai chegar?
- Você vai dormir em casa?
- Por que não mandou um SMS para avisar que ia demorar?

Parece loucura né, mas quando eu e meu marido começamos a viajar sozinhos, meu filho mais novo tinha 15 anos e eu não parava de falar neles. Tudo lembrava meus filhos. Se via uma criança correndo, falava: "lembra quando eles faziam isso? Se via uma criança comendo batatinhas, pensava: "será que eles já comeram?"

Loucura? Claro que sim. Loucura de mãe, super protetora.E os pais? Bem eles são mais tranquilos nesse quesito, é como se eles tivessem a certeza de que tudo está bem. E está mesmo!

imagem do google
Um dia, eu e meu marido, paramos de só falar neles, nem sei quando foi. Mas um dia voltamos a nos curtir, a namorar, a viajar, a pensar no futuro sem eles por perto, afinal a vida segue e um dia eles terão suas próprias famílias. 

Sair com amigos ou sozinhos, como na época de namoro, é saudável para a vida do casal. Retornar aos momentos de intimidade, refaz os laços e fortalece o relacionamento.

Nós já chegamos nessa fase, mas quando estamos com casais que tem filhos pequenos, rimos das gracinhas que eles contam, recordamos nossos filhos e também.....ligamos para saber se está tudo ok com eles. 

E vocês já conseguem sair para um happy hour e esquecer um minutinhos dos filhos?
Conta aí!
Beijocas
Cris Chabes

VEJA MAIS POSTAGENS

6 comentários

  1. Acho que tão cedo conseguirei ficar sem falar, Cris...até porque se saio para um HH, as amigas ou estão grávidas, ou estão com filhos pequenos...hahahahahaha...acho que serei como vc...um dia, quando Dan já estiver quase um homem feito, conseguirei ficar algumas horas sem falar dele...até lá, ele vai continuar saindo comigo, mesmo que esteja em casa...rsrsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Cris mesmo saindo com marido algumas vezes sem minhas trigêmeas, elas sempre vão conosco, pois acabam sendo o assunto da noite, quem sabe um dia :)

    Tri-beijos desiree
    http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Tipo, uma vez consegui conversar meia hora no telefone com meu marido sem falar dos pequenos!!! Marido comemorou... hehehehe
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  4. Oi Cris!!!
    É bem assim... kkkkk.
    Eu acho que uma hora a gente desliga um pouco, assim como aconteceu com você, mas sei que não totalmente.
    Mãe é mãe né?
    Super beijo amiga e uma ótima continuação de semana.

    ResponderExcluir
  5. Não me desligo nunca do meu pequeno, se estou longe o assunto, o pensamento e a preocupação é ele. Mãe é tudo igual, hehe.

    Beijos

    Quézia Silva
    http://kemuelpresentededeus.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oiii Cris, amiga acho que sou uma mãe muitooo tranquila neste ponto, sempre viajei e passeei muito sem os filhos desde que elas eram bem pequenas, e nunca fui de sofrer com a ausência delas nestes momentos, hoje com a mais velha estudando fora eu me preocupo muito com o que anda fazendo, mas na verdade sempre vivi meus momentos sem culpa! Bjosss

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar, ficamos felizes!