Cida filhos

Quantos filhos quero ou devo ter?

segunda-feira, maio 30, 2011Cida Kuntze

Fonte da imagem: Google

Uma coisa que eu acho de suma importância, é na época do namoro, o futuro casal conversar sobre a quantidade de filhos que desejam ter. É muito frustrante quando não definem essa questão e se casam, daí um quer ter 2 ou 3 filhos e o outro nenhum, ou 1 apenas.
Mesmo que se amem, isso pesa, pois um sempre vai ficar insatisfeito.
As pessoas tem que ter essa consciência, filhos não são bonecos, objetos descartáveis. Filhos são pra toda vida e vai depender de nós a formação desse novo ser.

Quando eu e o meu marido estávamos começando a namorar, deixei claro que eu tinha problemas no útero e talvez nunca pudesse ter filhos. Eu orava sempre a Deus que Ele me desse um esposo que não fizesse questão de ser pai, devido a esse problema. Meu marido veio sob encomenda, pois não tinha problema isso pra ele.

Depois de muitos anos de casamento eu engravidei e foi uma grande surpresa, uma festa. Nossa filha foi um presente de Deus! O médico disse que era incrível eu ter engravidado e agora podia quem sabe ter outro filho se desejasse.

Confesso a vocês que se eu não tivesse esse problema e tivéssemos sido pais mais cedo, teríamos pelo menos mais um filho, porém como engravidei mais tarde, optamos em ficar só com ela. A idade pesou, pois se fosse pra ter outro, teria que ser logo em seguida e não estávamos com tanto pique pra tentar ter outro filho num curto espaço de tempo.

Quando as pessoas me perguntam: "Quando vocês vão dar um irmãozinho pra sua filha?"
Eu já nem tenho mais ânimo pra responder, visto que já respondi isso milhões de vezes!!! rsrsrs.

Fico super feliz quando tenho notícias de amigas que engravidaram do segundo, terceiro, ou mais filhos.
Mas acho que esse é um assunto muito particular do casal, cada um sabe das suas condições.
Condições que eu digo não são só as financeiras, mas de saúde, de ter tempo pra se dedicar a esses filhos, ter disposição pra educá-los, paciência, enfim, condições gerais do casal.
Se vocês me perguntarem: A sua filha pede um irmão?
Respondo: Pedia, mas agora não fala mais sobre isso, pois ela conheceu na escola vários amigos que são filhos únicos e viu que não é só ela que está nessa condição.  

Quando eu nasci, meus dois irmãos já eram adolescentes, eu fui a temporã, como muitos dizem, então era como se eu não tivesse irmãos (no bom sentido), pois nunca brincava com eles. A diferença de idade era muito grande. Lembro muito da minha amiga chamada Débora, ela se criou comigo, como irmã. Ela era um ano mais nova do que eu e vivíamos juntas.

Eu vou ser bem sincera pra vocês, sou uma mãe muito feliz, mesmo tendo apenas uma filha. Se eu tivesse tido ela antes do que tive, acredito que teria outros filhos, gosto muito de crianças, mas não foi possível, então não fico pensando: "Ai que pena...a minha filha vai ser sozinha sempre, sem irmãos..."

Não penso isso mesmo, pois cada um tem a sua história e desde que ela nasceu eu oro para que o Senhor coloque amizades segundo o coração dEle no seu caminho. Que ela tenha amiga(o)s mais chegada(o)s que um irmão, como a Bíblia diz.
"...., mas há amigo mais chegado do que um irmão." Provérbios 18:24.

E vocês, já se questionaram sobre isso? Já resolveram entre vocês quantos filhos querem ou devem ter?
Sim, porque o casal pode almejar ter 3 filhos, mas a situação financeira, ou outros motivos, só permite ter 2. Nem sempre querer é poder não é mesmo?
O meu desejo é que cheguem a uma conclusão que seja boa tanto pro casal, quanto pros filhos, pois isso é o que importa!
.
Me inspirei pra escrever esse texto por 2 motivos e um deles foi um post que eu li aqui no Blog Bebezo Andrea.

A todos que nos acompanham, eu desejo uma feliz semana e que Deus esteja com cada um, cada família, fazendo grandes obras em seus lares.

Carinhosamente...Cida do *Compartilhando...



VEJA MAIS POSTAGENS

14 comentários

  1. Bom dia Cida!

    Olha amiga, eu gostaria muito de ter mais dois filhos, mas a minha rotina é muito puxada e se eu diminuir não daremos uma vida tranquila (financeiramente) para o JM.

    Então, penso em ter pelo menos mais 1. Meu marido é trigêmeo e tenho parentes gêmeos tb e meu médico sempre diz que eu posso ter gêmeos....rsrs

    Já pensou?

    Esperamos 9 anos pra ter nosso primeiro bebê e agora tb não posso ficar esperando muito pra ter o segundo filho, pq como vc disse, a idade começa a pesar.

    Tudo ainda é muito incerto, mas Deus já fez os planos dele pra nós.

    Beijos e linda semana pra vcs tb!
    Genis ♥

    http://mamaegenis.blogspot.com/
    http://www.blogdagenis.blogspot.com/
    http://redeeducacaoemfoco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Cida querida, eu amo seus textos.
    Me fazem pensar e refletir muito sobre a vida.
    Obrigada!!!

    olha só aqui em casa agente sempre planejava ter dois filhos, pra nós era suficiente na questao tempo e dinheiro.

    Mas dai qdo menos esperavamos Deus nos preparou esta surpresa e estamos esperando nosso terceiro filho. Eu confesso que fiquei bem assustada, achando que nao daria conta de tanta coisa, mas hj pensando melhor sei que mais essa Bencao de Deus só me trará alegrias.

    beijos pra vcs!

    ResponderExcluir
  3. Kikah, queria conhecer o teu blog, mas não achei no teu perfil. Gostaria de dizer que é uma benção mesmo os filhos e que Deus dê muita sabedoria e paz pra vocês educarem mais esse bebê que está vindo.
    Parabéns!!! Beijos.

    Genis, nossa, teu marido é trigêmeo!

    Eu e essa minha amiga Débora, que cito no posto, sempre desejávamos ter filhos gêmeos, eu não consegui, mas ela, depois de já ter 2 filhos (um casal) engravidou novamente e vieram gêmeos. Um casalzinho. Agora ela tem 2 meninos e 2 meninas. Se assustou no início com a notícia, mas deu tudo certo e eles formam uma linda família. Fiquei muito feliz por ela, por ter conseguido realizar esse sonho.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Olá

    Sou professora de uma escola estadual e estou aqui lhe convidando para conhecer nosso blog de LIBRAS onde o nosso objetivo é expandir a Língua de Sinais, pois somos escola pólo para atendimento da pessoa com deficiência auditiva.
    Se você tiver um tempinho e interesse pelo assunto, venha nos visitar. O endereço é:

    http://eeblmlibras.blogspot.com/

    Abraços fraternos

    ResponderExcluir
  5. Cida, veja como as coisas são curiosas, até Meiryele engravidar a gente não falava em filhos por agora. Era plano futuro pra daqui 4 ou 5 anos. Agora, queremos logo mais 1, pra fechar a conta. Mas acho prudente esperarmos ao menos uns 3 anos após a chegada do Davi. Sempre tivemos muita afinidade sobre este assunto. Quanto as perguntas das pessoas, não tem jeito elas sempre existirão, seja qual for a situação. Quando a gente decidiu casar mesmo, nós tínhamos 23 anos, jovens demais, era o que todo mundo dizia. Éramos jovens, mas jovens decididos.
    Logo depois do casamento, as cobranças vieram sobre a gravidez, daqui a pouco vem sobre o segundo filho e por ai vai. Aprendemos a lidar com os questionamentos dos outros, sabe como? Filtrando os que eram complacentes e ignorando os que nos criticavam. Acho que é assim ao longo da vida.

    Abraços Paternos!
    www.mmppv.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. eu tenho 2 filhos, um e adotado, pq pensei q n podia ser mãe, depois de 1ano e 2 meses eu fiquei grávida. eu n quero ter mais. Hoje o mundo esta muito diferente e ter filho é uma responsabilidade muitooooo grande.
    Raquel

    ResponderExcluir
  7. Oi Cida,
    Sempre planejamos ter 2 filhos no mínimo, logo que a Eloise nasceu, já queria engravidar de outro, mas meu marido não concordou e achamos melhor esperar mesmo. Hoje ela esta com 1 ano e 5 meses, e confesso que tenho muita vontade de ter mais um, mas penso muito, não por condições gerais, porque eu e meu esposo somos jovens e condições financeiras acho que não deve impedir o sonho de ter um filho, mas pelo mundo que estamos, temo muito pelo nosso futuro e principalmente pelo futuro da minha filha, estou buscando em Deus uma resposta.
    Bjos e parabéns pelo post.

    ResponderExcluir
  8. Oi Cida,
    Gostei muito do seu texto.
    Tenho 37 anos e estou tentando engravidar há 1 ano.
    Nós gostaríamos de ter pelo menos 2 filhos, mas em função da minha idade e da disposição que acho não devo ter depois do primeiro, ficaremos com 1 filho somente.
    Isso, graças à Deus, não é problema para meu marido também. Ele é tranquilo em relação à isso, pois só tem uma irmã. Eu tenho 5 irmãos e muitos sobrinhos, família grande...
    Abraços.

    ResponderExcluir
  9. Amiga
    Vc colocou o "dedo na ferida" de muita gente,no bom sentido é claro.
    É muito fácil decidir em ter ou não o primeiro filho... Incrível, como o segundo é muito mais complicado... A gente pensa e pondera muito... Estou passando por isso agora... Vejo o relógio biológico gritando, mas fico cheia de dúvidas... Um filho já é suficiente pra mim... já me preenche tanto... será que há espaço para outro ??? Será que vou me arrepender depois... Enfim... mas acredito que na hora certa, Deus há de nos iluminar e decidir qual caminho seguir... Um grande abraço

    ResponderExcluir
  10. OI que texto interessante! Antes de engravidar sempre quis ter dois filhos, sempre achei um numero bom e tambem nunca achei que ser filho unico é uma boa pedida! Omario, meu marido, ate compartilhava essa ideia comigo, mas depois de Anna Laura nasceu ele vive falando que não quer mais outro filho de jeito nenhum por aqueles motivos de todas: da trabalho e gasta demais!
    Já a minha opinião esta meio confusa devo confessar, não sei mais se quero ou não. Primeiro que na minha mente antes eu ia querer ter outro assim que minha filha fizesse 1 ano, mas aí agora to fazendo faculdade que eu tanto lutei e reolvi adiar pra quando terminar, pois filho x faculdade não conbina! quando chegar la na frente eu não sei mais qual vai ser minha vontade! vamos esperar!!! beijooooxxx

    ResponderExcluir
  11. Olá...adorei seu texto!
    Infelizmente existe uma cobrança muito grande da sociedade em relação à família. A pessoa mal começa a namorar e já tem que marcar a data do casamento, passando a lua de mel já tem que encomendar o bebê e quando esse ainda nem andou já perguntam sobre o segundo...rs e como você mesma disse, nada como o próprio casal pra saber, não é mesmo!!!
    Esperei pela minha princesa por oito anos e se tivesse uma situação financeira bem estável faria o possível para ter mais um também. O esforço vale muito a pena. Ser mãe é simplesmente maravilhoso.
    Obrigada pelas suas belas palavras!
    Teca

    ResponderExcluir
  12. Sinceramente se pudesse teria uns 3 filho pelo menos. Acho família grande linda! Essa era a vontade do maridão também. Mas diante da nossa realidade, queremos dar só mais um irmãozinho (a) para o Davi e pronto! Dar a atenção que a criança merece e proporcionar o mínimo de conforto e um bom estudo não é nada fácil.
    Beijos Cida e adorei seu post.

    ResponderExcluir
  13. Cida,
    Antes de casar, eu e meu marido sempre falávamos que iríamos ter dois filhos, mas hoje estamos repensando... vamos ver.
    rsrs também ouço muito essa pergunta, quando vamos dar um irmãozinho ao Daniel...rs
    beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Eu penso que existe uma diferença entre querer ter e ter realmente x filhos!! Venho de uma família grande, 5 irmãos, mas nunca pensei em ter muitos filhos, 3 no máximo.
    Tenho uma filha, que tem uma irmã mais velha. Quando me perguntam quando a Sophia vai ganhar uma irmãzinha, eu digo que ela já tem, ela é minha única filha e caçula do meu marido.
    Mas penso sim em ter mais 1 filho, mas não tem nada decidido!!
    Beijocas,
    Aretusa, mamãe da Doce Sophia

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar, ficamos felizes!